Marketing digital a partir do zero

marketing digital a partir do zero

Quando você pensa em marketing digital, fica perdido sem saber por onde começar?

Para entender a importância desse trabalho e como estabelecer uma estratégia eficiente, é preciso compreender que a necessidade de fazer marketing digital existe, justamente porque vender produtos e serviços não se trata simplesmente de colocá-los à disposição das pessoas.

Pois é, assim fica mais fácil estabelecer que o marketing digital eficiente não se trata apenas de divulgação. Mas sim, de se destacar entre a concorrência de maneira inteligente e útil. Criado para uma marca ou produto, uma postura de autoridade, que a coloque como referência no segmento em que opera.

“Mas são tantas empresas, tantos produtos, como mostrar diferenças atraentes, quando todas as empresas estão a tentar fazer a mesma coisa?”

Abuse do marketing digital inteligente.

Para se destacar e ser escolhido pelo seu público com tantas opções, é necessário usar estratégias elaboradas cuidadosamente, para antes de qualquer coisa, captar a atenção do seu potencial cliente.

Afinal, como se não bastasse a quantidade absurda de novas empresas que abrem as portas todos os dias, hoje, o consumidor pode realizar pesquisas de mercado com muito mais facilidade do que há alguns anos atrás, e assim encontrar, em poucos segundos, uma porção de respostas para as suas necessidades.

E são justamente as pesquisas feitas pelo seu cliente, que vão ajudar a fazer um marketing mais inteligente, voltado para o que o seu público precisa, e o melhor, colocando-se como solução para essas pesquisas.

O problema é que o marketing digital possui tantas facetas que pode ser difícil, para quem não está familiarizado com o conceito, começar a construir as suas próprias estratégias. Por isso, preparamos um conjunto de soluções que vão ajudar a começar o seu marketing a partir do zero, e alcançar resultados incríveis para a sua empresa.

Atenção para os pontos que já vamos abordar:

  • Pessoa
  • Dor
  • Estratégia
  • Funil

Quem é a pessoa?

Marketing digital não é gritar uma notícia aos quatro ventos.

Mas como fazer isso? Como falar de modo eficaz e direcionar o seu marketing para a pessoa certa? Bem, para conseguir isso é preciso entender quem é o seu cliente, ou como chamamos: A “pessoa”.

Para entender quem é a pessoa que se identifica com o seu conteúdo, pesquise a faixa etária das pessoas que andam a visitar a sua página ou site, identifique género, profissão, classe social, interesses.

O Google também te pode ajudar a obter esse tipo de informação, caso ainda não tenha um site a funcionar. E há algumas plataformas que podem oferecer ferramentas para ajudarem a descobrir a sua pessoa.

Dessa maneira fica mais fácil dar um rosto e personalidade ao público que representa de fato o seu cliente, e então oferecer conteúdo otimizado, que não apenas solucione os seus problemas e o instrua, como também gere identificação, falando a linguagem do seu público de maneira muito mais natural e eficiente.

Para fazer um bom marketing digital é necessário direcionar o seu discurso para um determinado público, de modo a que as suas informações possam servir perfeitamente para solucionar as dores desse público.

Dor?

No marketing de conteúdo e digital, entende-se por “dores”, as motivações que fazem com que o seu cliente pesquise determinada palavra no Google.

Por exemplo: Um site de um ginásio, pode receber mais visitas se se propor a solucionar as dores dos seus potenciais clientes, oferecendo conteúdo que responda ás suas necessidades de pesquisa, que podem ser “Emagrecimento saudável”.

Com mais visualização, os banners de produtos como suplementos e cursos, recebem mais atenção e as chances de venda, é claro, aumentam.

Estratégia

Depois de identificar a pessoa, e entender as suas dores, é hora de estabelecer uma estratégia de vendas baseada nos objetivos da sua empresa. Por exemplo: Vender mais, obter patrocínio, gerar mais visualizações.

No entanto, a estratégia de marketing deve abranger a captação do interesse da sua pessoa, e para isso é possível usar os seguintes canais:

  • Redes sociais

Páginas no facebook com publicações diárias, conteúdo sempre atualizado e que gere interesse de partilha. O que aumenta o alcance das suas publicações gratuitas. É claro que também pode ser muito interessante investir em publicações patrocinadas, e nesse caso, o sucesso é certeiro.

Outras redes sociais também podem representar excelente investimento, como o Instagram, por exemplo.

Lembre-se que, antes de qualquer coisa, é necessário entender em quais dessas redes a sua pessoa passa mais tempo a navegar.

  • Vídeos

Vídeos têm um forte potencial de criar identificação com o seu público e aumentar as vendas directamente, isso porque uma das barreiras que afastam clientes na hora de adquirir um produto de uma empresa desconhecida, é o ar de distância que essa marca pode causar.

Quando há um rosto por trás desse trabalho, fica mais fácil confiar no produto que está a ser oferecido. Sem contar que o youtube é uma plataforma que transforma todo o conteúdo num potencial captador de leads. Afinal de contas, vídeos publicados no youtube são atemporais e aparecerão para os usuários sempre que houver buscas relacionadas ao tema.

  • Blog Posts

Os Blog Posts também são excelentes para angariar seguidores, atrair público e se posicionar como autoridade no seu nicho. Mas há um porém, é que para fazer postagens regulares e que de falto causem o efeito necessário é importante se aprofundar mais nas questões que envolvem a produção desse conteúdo, já que elas dependem de regras muito específicas. Algumas delas são:

  • Relevância
  • O conceito de SEO
  • Exclusividade dos artigos
  • Formatação dos textos.

Funil de vendas

O funil de vendas é um conceito que organiza em forma de pirâmide invertida, as várias etapas do marketing digital.

Chama-se assim, porque essas etapas se afunilam até à venda concluída, e no topo do funil, a parte mais larga, está o grande público, que precisa de receber maior atenção na montagem das suas estratégias de marketing.

Ainda assim, cada etapa do funil merece a produção de conteúdo específico, da seguinte forma:

  • Conteúdo que solucione especificamente os problemas da persona.
  • Conteúdo que posicione a empresa como uma das soluções.
  • Esclarecimentos a respeito do produto ou serviço vendido.

Apesar de o funil representar uma estrutura estática, é importante lembrar que o marketing digital precisa estar sempre em movimento, e assim o seu conteúdo precisa ser constantemente atualizado.

Como colocar o marketing digital a funcionar?

Para colocar tudo isso em funcionamento, tenha plataformas dispostas a receber o seu conteúdo. O site da sua empresa, por exemplo, pode ter uma página específica para receber os Blog Posts. Mas também é interessante criar perfis nas redes sociais, para que a sua empresa possa ser encontrada nesses ambientes.

Para que as suas postagens recebam a atenção que merecem, fique atento ao horário em que elas são postadas e nunca deixe de pesquisar mais conhecimento a respeito da produção de conteúdo.

Afinal de contas, a sua pessoa pode interessar-se por vários assuntos de maneira cíclica, e é essencial oferecer um marketing de conteúdo que converse com essas necessidades em cada um desses momentos.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.
Days
Hours
Minutes
Seconds

Assine Nosso Newsletter e Receba Um Super Desconto em Nosso Manual de Marketing Digital